Alessandra Negrini: de rainha de bloco à nova vilã de época das 6

A atriz está escalada para ser a vilã de “Orgulho e Paixão”, novela das 6 inspirada nos romances de Jane Austen com estreia para março,



11 fev 2018, 11h28

 

Foram apenas oito horas de separação entre dois universos radicalmente distintos. No domingo 4, como rainha de um trio elétrico paulistano, Alessandra Negrini sambava para uma plateia de 1 milhão de pessoas. No dia seguinte, chegou às 8 da manhã aos estúdios Globo, no Rio de Janeiro, para encarar um figurino da década de 20. “Faço uma coisa de cada vez, em etapas. Se eu pensasse no que viria enquanto estava no trio, ficaria estressada”, diz. Escalada como vilã de Orgulho e Paixão, novela das 6 inspirada nos romances de Jane Austen, com estreia em março, a atriz confessa que nunca pegou nos clássicos da autora inglesa. “Mas vi dois filmes baseados neles (Orgulho e Preconceito e Razão e Sensibilidade), ambos maravilhosos.” Ela diz estar encantada com o texto inteligente e o guarda-roupa “chiquérrimo”. “É como se fosse de Hollywood, uma obra de arte à parte.”

Todos os Direitos Reservados a(o) criador(a) deste conteúdo. Acesse o link original.

Siga e curta-nos!