Em Manaus, acusado de matar ex de companheira é preso e revela detalhes da tortura | Comparsa de 16 anos ajudou

Manaus/AM -Ismael de Andrade Souza, 29, o “Bombado”, foi preso e um adolescente de 16 anos, apreendido na tarde desta quarta-feira(7) acusados de envolvimento no homicídio do eletricista Nelson Guilherme Melo da Silva, ocorrido na noite de ontem(6), no bairro Cidade Nova, zona norte da capital.

De acordo com a Polícia Civil, o crime aconteceu entre 22h30 e 23h, em um salão de beleza que funciona no terreno da casa da ex-companheira da vítima, na rua Gavião Bueno, Comunidade Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, bairro Cidade Nova, zona norte. Conforme a autoridade policial, Nelson veio a óbito após ser atingido por golpes de faca e pauladas na cabeça.

“Após a confirmação da morte do eletricista, a ex-companheira dele, uma mulher identificada como Marcela, que está sendo procurada pela polícia, compareceu à delegacia para formalizar o homicídio. Na ocasião, apontou Ismael, com quem estava se relacionando há uma semana, e o adolescente como os responsáveis pela morte de Nelson. Logo depois de prestar esclarecimentos em torno do caso, a mulher foi liberada e encontra-se em paradeiro incerto e não sabido”, declarou o delegado Jeff Mac Donald.

Confissão – Ismael foi preso por policiais do 27º DIP após comparecer à unidade policial, procurando pela companheira. Ao ser questionado sobre possível envolvimento no homicídio, o operador de máquinas confessou participação na morte do eletricista e indicou a localização do comparsa, o adolescente de 16 anos.  

“Em depoimento, a dupla relatou que agiu influenciada por Marcela, que argumentou sofrer ameaças de morte pelo ex-companheiro. Ismael argumentou que as facadas não causaram a morte da vítima e que o homem veio a óbito em decorrência de pauladas desferidas por Marcela, utilizando uma perna-manca”, disse Mac Donald.

Marcela está sendo procurada pelas equipes policiais e que irá representar à Justiça o pedido de prisão temporária por homicídio em nome dela. Ismael foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e corrupção de menores. Ao término dos procedimentos cabíveis na unidade policial ele será levado para Audiência de Custódia no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, no bairro São Francisco, zona sul.

O adolescente irá responder por ato infracional análogo ao crime de homicídio. Ele será encaminhado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde serão adotadas as medidas cabíveis.

Todos os Direitos Reservados a(o) criador(a) deste conteúdo. Acesse o link original.

Siga e curta-nos!