Grammy começa com performance de Kendrick Lamar de tirar o fôlego

Rapper cantou ‘XXX’ e ‘King’s Dead’ e contou com participação de Bono e The Edge, do U2

Da redação



28 jan 2018, 23h12 – Publicado em 28 jan 2018, 23h10

O Grammy Awards de 2018 começou da melhor maneira possível: com uma performance explosiva de um dos nomes mais relevantes da música atual, o rapper Kendrick Lamar. O músico se juntou a Bono e The Edge, do U2, para apresentar XXX, de seu elogiado álbum DAMN., lançado no ano passado. Em seguida, emendou com King’s Dead, que faz parte da trilha sonora do filme Pantera Negra.

Junto com dançarinos camuflados e num cenário com uma bandeira americana hasteada, o rapper não parou um segundo no palco e despejou as letras das suas músicas. Foi interrompido somente pelo comediante Dave Chappelle, que fez uma provocação: “Só queria lembrar ao público que a única coisa mais assustadora do que ver um homem negro ser honesto nos Estados Unidos é ser um homem negro honesto nos Estados Unidos”.

Lamar voltou a rimar ao lado de uma mulher tocando um enorme tambor. Atrás deles, um show com direito a chamas tomava o palco. Os dançarinos voltaram pouco depois e, enquanto o rapper continuava o show, sons de tiros foram ouvidos e os bailarinos foram caindo.

O músico foi indicado em sete categorias no prêmio: gravação do ano, melhor performance de rap, melhor música de rap, melhor clipe, álbum do ano, melhor álbum de rap e melhor música de rap/cantada, ao lado de Rihanna.

Todos os Direitos Reservados a(o) criador(a) deste conteúdo. Acesse o link original.

Siga e curta-nos!